Um minuto seu filho está no topo do mundo, cantando e dançando em toda a sala de estar. Antes que você perceba, ela se tornou uma pilha de lágrimas no chão da cozinha. Quando seu filho está aflito, você pode se sentir desamparado, frustrado ou até com raiva. Tudo bem … todos os pais passam por isso.

As birras são uma parte normal do desenvolvimento. Eles acontecem mais entre as idades de 1 e 3 anos, mas como muitos de nós sabemos, algumas crianças praticam deste comportamento e outras não. Muitas crianças têm mais birras antes e por volta da época do desenvolvimento da linguagem. Antes que as crianças sejam totalmente verbais, elas ficam frustradas e, nesse sentido de frustração, fome ou insatisfação, as birras podem ser uma maneira fácil de as crianças tentarem obter o que precisam.

Sete dicas para sobreviver a uma birra

Você não pode evitar todas as birras, mas aqui estão algumas dicas para ajudá-lo a sobreviver mais graciosamente.

1. Dê atenção suficiente ao seu filho
Forneça elogios específicos em momentos de sucesso. No entanto, não pense que, se uma criança faz birra mais do que outra, você não está prestando atenção suficiente. Personalidade é infundida em comportamentos, incluindo birras.

2. Durante uma birra, dê ao seu filho o controle sobre pequenas coisas
Ofereça pequenas escolhas dirigidas com opções, em vez de perguntas sim e não.

3. Distração
Mover para um novo quarto, mude seu foco! Ofereça um brinquedo mais seguro. Por mais bobo, cante uma música com o mesmo, se nada das outras opções funcionar.

4. Conheça os limites do seu filho
Obviamente, alguns dias são mais difíceis que outros. Assim como os adultos, crianças às vezes, não conseguem terminar suas tarefas. Conheça os seus limites.

5. Não ignore comportamentos como bater, chutar, morder ou arremessar
Tenha uma política de tolerância zero. Sente, converse e explique a situação e mostre para sua criança onde está o erro.

6. Defina seu filho para o sucesso
Se as birras chegarem quando seu filho estiver com fome, coma um lanche saudável quando estiver fora de casa. Se as birras acontece quando o seu filho está cansado, dê prioridade ao horário de dormir e cochilar dele. Sabe distinguir uma birra emocional de uma birra que trás um chamado de atenção para o que sua criança necessita.

7. Se dê uma folga quando precisar
Revezar-se com o pai ou amigo quando sua frustração aumenta é sempre bom, até mesmo para sua saúde mental.

A luz no fim do túnel

Saiba disso: As birras tendem a melhorar depois dos 3 anos de idade. Embora não desapareçam completamente. Seu filho fará birras para conseguir coisas que ele precisa normalmente e naturalmente entre as idades de 1 e 3 anos. Fale com um psicólogo(a) infantil se estiver preocupado com alguns desses comportamentos.

Faça o seu melhor para permanecer calmo. Converse com seus amigos e familiares ao seu redor quando uma birra estiver acontecendo. Eles ajudaram a você se afastar e esperar que as birras se dissolvam por conta própria, para que assim possa voltar para sua criança com grande conforto, pacífico e controlado da situação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here